Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Filarmónica Recreativa Cortense

Filarmónica Recreativa Cortense

Cortes do Meio, Concelho da Covilhã, Distrito de Castelo Branco

Alunos de Violino da ESART selecionados para a Orquestra Mundial

Resultado de imagem para Escola Superior de Artes Aplicadas do Instituto Politécnico de Castelo Branco 

Os cursos de música da Escola Superior de Artes Aplicadas do Instituto Politécnico de Castelo Branco irão estar representados na Orquestra Mundial e no Festival Aurora, que decorre na Suécia.

Joana Weffort, estudante do 2.º ano da licenciatura em Música e Frederico Lourenço, a frequentar o 2.º ano do mestrado em Ensino de Música foram selecionados para a The World Orchestra, enquanto Mafalda Pessoa, finalista da licenciatura em Música, variante instrumento, na classe de violino dos professores Augusto e Alexandra Trindade, foi selecionada para o Festival Aurora.

Joana e Frederico, selecionados para o estágio de Inverno da The World Orchestra (Orquestra Mundial) irão ter oportunidade de trabalhar obras de Dmitri Schostakovich (Hamlet e Abertura Festiva) e Carl Orff (Carmina Burana).

O estágio decorre de 20 de fevereiro a 3 de março e conta com a colaboração do grupo de teatro La Fura dels Baus e do ator Juan Echanove.

A Orquestra Mundial é apoiada pela East-West Music e tem, desde 2004, Josep Vincent como maestro titular.

A Orquestra é formada por jovens entre os 18 e os 28 anos, provenientes de mais de 64 países diferentes, e já atuou em países como Chipre, Áustria, Alemanha, Holanda, Canadá, China, Espanha, África do Sul, os Balcãs e Líbano.

Mafalda Pessoa, selecionada para o Aurora Classic Festival – Solo Classes, vai ter oportunidade de fazer parte de uma comunidade de artes performativas onde muitos dos mais reconhecidos músicos internacionais, são membros.

O Festival decorre na última semana de fevereiro em Trollhättan, na Suécia.

O Aurora Classic Festival concede a oportunidade a jovens músicos de estarem em contacto com artistas e professores de renome internacional, com quem poderão trabalhar não só a solo, mas também em orquestra e em música de câmara.

Este Festival tem contado desde a sua primeira edição com diversos músicos conceituados de mais 35 países entre eles Kurt Masur, Ilya Grubert, Olivier Charlier, Ivry Gitlis, Kim Kashkashian, Nuboko Imai, Mischa Maisky, Gary Hoffman, Konstantin Bogino e Olga Kern, entre outros.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.