Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Mais sobre mim

foto do autor


Fundada a 11-11-1899

Mais de um século ao serviço da Música, Recreio e Cultura!

.

Telemóvel:

* 967 687 837 * 967 706 294 *

* 969 375 934 *

.

Morada:

Rua Padre Silva n 6

6215-141 Cortes do Meio

Covilhã

.

Endereço eletrónico:

filarmonicacortense@gmail.com


Maestro: Fábio Daniel Esteves Pereira

Fábio Daniel Esteves Pereira nasceu a 28 de maio de 1986. É natural de Unhais da Serra mas cedo veio morar para a freguesia de Cortes do Meio.

Iniciou os estudos de formação musical e instrumento em 1997 na Filarmónica Recreativa Cortense como saxofonista com o maestro António Pão-Alvo.

Em 2000, sob a tutela do Pe. José António Loureiro Pinheiro toma parte da direcção artística do grupo Chama de Deus.

Em 2003 foi seleccionado para a Orquestra de Jazz do Centro, um masterclass jazzístico leccionado por Paulo Perfeito.

No âmbito do projecto Covilhã Filarmónico teve diversos estágios com professores de academia e conservatórios locais.

Em 2010 inicia os estudos em direcção de orquestra de sopros no CEDOS (Centro de estudos de direcção de orquestra de sopros) com os professores Luís Clemente em direcção e análise musical, Carlos Amarelinho em orquestração e Paulo Ramos em formação musical e auditiva.

Conclui o curso médio com 16 valores. Durante o curso médio trabalhou com as bandas da Covilhã, Ponte do Rol, Belinho, Cabreiros, Mafra, Banda Sinfônica da Covilhã.

No mesmo período lectivo obteve o primeiro prémio no concurso de direcção do ENOS ( Estágio Nacional de Orquesta de Sopros) Esposende.

Em 2013 iniciou os estudos em direcção de orquestra na academia de direcção da ACO ( Atlantic Coast Orchestra) com os professores Luís Clemente e Colin Metters em direcção de orquestra, José Fayos Jordan e Roberto Fiore em orquestração, Paulo Maciel e Jaime Branco em formação musical e auditiva. No mesmo ano começou a trabalhar na escola de música da Filarmónica Recreativa Cortense.

Dirigiu ensemble da ACO, orquestra sinfonica da ACO, Banda Nova de Manteigas e orquestra de sopros do ENOS Portel, EPABI e Escola Profissional de Seia.

Finalizou o curso superior da academia de direcção da ACO com 17 valores. Em 2017 tomou posse da direcção artística e musical da Filarmónica Recreativa Cortense e deu início ao processo de equivalência de licenciatura na ABRSM (Associeted Board of the Royal Schools of Music).

Em Maio de 2018 conclui com aproveitamento a Licenciatura em Direcção de Orquestra de Sopros pela ABRSM num projecto conjunto com a Escola de Música e Juventude de Mafra.


Corpos Socias - triénio 2017/2019

Assembleia Geral:

Presidente: Marco Alves

Vice Presidente: Joana Santos

Secretário: Aline Miguens

.

Conselho Fiscal:

Presidente: Bernardino Santos

Vice Presidente: João Pedro Faísca

Relator: Gabriel Vila

.

Direcção:

Presidente: Alexandre Barata;

Vice Presidente: Adriano Esteves;

1º Secretário: Mafalda Santos;

2º Secretário: Flavio Inácio;

Tesoureiro: Francisco Pina;

Vogal: Leticia Vila;

Vogal: Steve Vila;

Vogal: Alexandre Barata;

Vogal: José Silva;


Calendário de actuações:

08/06/2019 - Gibaltar - Teixoso

.

15/06/2019 - Marchas Cidade da Covilhã

.

20/06/2019 - Procissão do "Corpo de Deus" - Cortes do Meio

.

22/06/2019 - Marchas Cidade da Covilhã

.

13/07/2019 - Bairro de Sto António - Covilhã

.

03 e 04/08/2019 - Festa de S. José - Bouça

.

15/08/2019 - Quinta do Clérigo - Águas Belas - Sabugal

.

18/08/2019 - Moita - Sabugal

.

07 e 08/09/2019 - Festa de Nª Srª De La Salette - Peso

.

15/09/2019 - Orjais

.

17/11/2019 - 120ª Aniversário da FRC - Cortes do Meio

.



Galeria FRC

Foto datada de sensivelmente 1910

.

2010

.

2011

.

2012

.

2013

.

2014

.

2015

.

2016

.

2017

.

2018

.


Cortes do Meio, Concelho da Covilhã, Distrito de Castelo Branco


A candidatura de Idanha-a-Nova a Cidade da Música no âmbito da rede de Cidades Criativas da UNESCO "foi feita com as pessoas e para as pessoas" afirmou Armindo Jacinto, presidente da Câmara de Idanha-a-Nova.

A autarquia tem vindo a trabalhar e a apostar nas industrias criativas e  Armindo Jacinto considera que chegou a hora de dar um passo em frente com esta candidatura, "são muitos anos de trabalho, com estas questões da música e das industrias criativas e hoje já temos argumentos para integrar a rede. Temos feito um vasto trabalho com as populações e associações, mas temos também apostado nas novas abordagens", referiu o autarca.

O autarca lembra que as atividades culturais que decorrem no concelho são também fator de desenvolvimento económico.

A mais valia desta candidatura é a coesão económico-social, "durante muitos anos trabalhámos a coesão territorial, hoje é importante tratarmos da economia e do social e esta candidatura vai ao encontro dessa nossa preocupação" afirmou Armindo Jacinto durante o Encontro Internacional "As Cidades Criativas e a Música", que decorreu em Idanha-a-Nova.

A presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro (CCDRC), Ana Abrunhosa, recordou que na rede de Cidades Criativas da UNESCO ainda não consta nenhuma cidade portuguesa, e o facto da primeira candidatura surgir na região Centro é "motivo de orgulho, mas não é surpresa".

Ana Abrunhosa afirma que tendo em conta o trabalho que o Município de Idanha tem desenvolvido, esta candidatura não é surpresa, "este é um território cheio de cultura e tradição, e por isso penso que este é o culminar de grandes esforços que o município tem realizado, com o património do concelho, estamos a falar de tudo o que diferencia estes territórios que podia ser olhado como uma desvantagem, mas que tem que ser encarado como uma oportunidade".

A presidente da CCDRC considera que é possível com a candidatura trazer melhor qualidade de vida às populações, "não só porque se preserva o que é tradição e cultura, mas que isso seja motor de desenvolvimento económico".

Na região Centro o impacto das economias criativas já é "significativo" afirmou Ana Abrunhosa, "e tem um potencial de crescimento enorme. Estamos a falar de mais de 12 mil empregos e de mais de 8 mil empresas, com um potencial de crescimento enorme" acrescenta.

A responsável espera que em breve Idanha-a-Nova tenha boas noticias, sobre a sua candidatura, isto seria um prémio para territórios que à partida tem tudo a desfavor, "mas que viria premiar a resiliência, o esforço, o rejuvenescimento das gentes destas gentes e os agentes políticos e outras instituições, porque era mais fácil baixar os braços e aqui optou-se por outra abordagem arregaçar as mangas e trabalhar" afirma Ana Abrunhosa, uma apaixonada confessa do concelho de Idanha-a-Nova.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



Mais sobre mim

foto do autor


Fundada a 11-11-1899

Mais de um século ao serviço da Música, Recreio e Cultura!

.

Telemóvel:

* 967 687 837 * 967 706 294 *

* 969 375 934 *

.

Morada:

Rua Padre Silva n 6

6215-141 Cortes do Meio

Covilhã

.

Endereço eletrónico:

filarmonicacortense@gmail.com


Maestro: Fábio Daniel Esteves Pereira

Fábio Daniel Esteves Pereira nasceu a 28 de maio de 1986. É natural de Unhais da Serra mas cedo veio morar para a freguesia de Cortes do Meio.

Iniciou os estudos de formação musical e instrumento em 1997 na Filarmónica Recreativa Cortense como saxofonista com o maestro António Pão-Alvo.

Em 2000, sob a tutela do Pe. José António Loureiro Pinheiro toma parte da direcção artística do grupo Chama de Deus.

Em 2003 foi seleccionado para a Orquestra de Jazz do Centro, um masterclass jazzístico leccionado por Paulo Perfeito.

No âmbito do projecto Covilhã Filarmónico teve diversos estágios com professores de academia e conservatórios locais.

Em 2010 inicia os estudos em direcção de orquestra de sopros no CEDOS (Centro de estudos de direcção de orquestra de sopros) com os professores Luís Clemente em direcção e análise musical, Carlos Amarelinho em orquestração e Paulo Ramos em formação musical e auditiva.

Conclui o curso médio com 16 valores. Durante o curso médio trabalhou com as bandas da Covilhã, Ponte do Rol, Belinho, Cabreiros, Mafra, Banda Sinfônica da Covilhã.

No mesmo período lectivo obteve o primeiro prémio no concurso de direcção do ENOS ( Estágio Nacional de Orquesta de Sopros) Esposende.

Em 2013 iniciou os estudos em direcção de orquestra na academia de direcção da ACO ( Atlantic Coast Orchestra) com os professores Luís Clemente e Colin Metters em direcção de orquestra, José Fayos Jordan e Roberto Fiore em orquestração, Paulo Maciel e Jaime Branco em formação musical e auditiva. No mesmo ano começou a trabalhar na escola de música da Filarmónica Recreativa Cortense.

Dirigiu ensemble da ACO, orquestra sinfonica da ACO, Banda Nova de Manteigas e orquestra de sopros do ENOS Portel, EPABI e Escola Profissional de Seia.

Finalizou o curso superior da academia de direcção da ACO com 17 valores. Em 2017 tomou posse da direcção artística e musical da Filarmónica Recreativa Cortense e deu início ao processo de equivalência de licenciatura na ABRSM (Associeted Board of the Royal Schools of Music).

Em Maio de 2018 conclui com aproveitamento a Licenciatura em Direcção de Orquestra de Sopros pela ABRSM num projecto conjunto com a Escola de Música e Juventude de Mafra.


Corpos Socias - triénio 2017/2019

Assembleia Geral:

Presidente: Marco Alves

Vice Presidente: Joana Santos

Secretário: Aline Miguens

.

Conselho Fiscal:

Presidente: Bernardino Santos

Vice Presidente: João Pedro Faísca

Relator: Gabriel Vila

.

Direcção:

Presidente: Alexandre Barata;

Vice Presidente: Adriano Esteves;

1º Secretário: Mafalda Santos;

2º Secretário: Flavio Inácio;

Tesoureiro: Francisco Pina;

Vogal: Leticia Vila;

Vogal: Steve Vila;

Vogal: Alexandre Barata;

Vogal: José Silva;


Calendário de actuações:

08/06/2019 - Gibaltar - Teixoso

.

15/06/2019 - Marchas Cidade da Covilhã

.

20/06/2019 - Procissão do "Corpo de Deus" - Cortes do Meio

.

22/06/2019 - Marchas Cidade da Covilhã

.

13/07/2019 - Bairro de Sto António - Covilhã

.

03 e 04/08/2019 - Festa de S. José - Bouça

.

15/08/2019 - Quinta do Clérigo - Águas Belas - Sabugal

.

18/08/2019 - Moita - Sabugal

.

07 e 08/09/2019 - Festa de Nª Srª De La Salette - Peso

.

15/09/2019 - Orjais

.

17/11/2019 - 120ª Aniversário da FRC - Cortes do Meio

.



Galeria FRC

Foto datada de sensivelmente 1910

.

2010

.

2011

.

2012

.

2013

.

2014

.

2015

.

2016

.

2017

.

2018

.