Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Filarmónica Recreativa Cortense

Filarmónica Recreativa Cortense

Cortes do Meio, Concelho da Covilhã, Distrito de Castelo Branco

Orquestra Ligeira da Covilhã municipal (OLCm) - Orquestra Semi-Profissional - Audições para Vagas

Estão abertas as audições para o preenchimento de vagas para a Orquestra Ligeira da Covilhã municipal (OLCm). Ao todo são 16 vagas nos vários instrumentos que compõem a OLCm, uma orquestra semi-profissional: VAGAS: 2 vozes (masculina e feminina), 2 Saxofones Altos, 1 Saxofone, Tenor, 1 Saxofone Barítono, 3 Trompetes, 3 Trombones, 1 Piano, 1 Baixo eléctrico, 1 Guitarra eléctrica, 1 Bateria.
As PROVAS consistem em: Leitura à 1ª Vista com playback e excerto de obra ligeira ou standard de jazz apresentada pelos candidatos.
Quanto aos critérios de AVALIAÇÃO são: A - Preferência Regional - 10; B - Entrevista - 20; C - Interpretação - 70 (distribuídos da seguinte forma: linguagem - 10; - Técnica - 20; - Musicalidade - 20; - Improviso - 10; - Leitura - 10).
Para fazer a audição/informações, cada músico pode agendar a sua prova para os dias 19-20-21-22-23 através do e-mail: bandadacovilha@gmail.com ou
914905596.
 

OqueStrada – Audição para viola acústica.

OqueStrada AUDIÇÃO – até dia 30 de Junho 2012.

2ª Viola Acústica para tournées.

OqueStrada continuam na busca do perfeito guitarra com garra para 2ª viola acústica para as suas tournées.
Os critérios de escolha? Tem de reunir os seguintes atributos: autónomo, pronto p’ra vida, versátil e disponível para uma estrada musical exigente.

Candidatos enviem vídeo com dois registos diferentes de viola para o mail oquestradacasting@gmail.com .

No início do mês de JULHO será feita a primeira selecção e a audição ao vivo está prevista para o meio do mesmo mês.

http://www.oquestrada.com
http://www.facebook.com/oqueStrada 

 

Músicos On - Site de classificados direcionado para músicos.

O Músicos On é o 1º site de classificados para músicos em Portugal.

Um site de classificados de instrumentos novos e usados direcionado para músicos, aqui poderá encontrar todo tipo de material, (microfones, guitarras, amplificadores, mesas mistura, colunas, baterias, baixos, pedaleiras, etc), bem como anúncios para empregos relacionados com a música.

Inserir um anúncio não implica qualquer custo e pode fazê-lo de uma forma simples e rápida, basta criar uma conta e começar a usar o serviço que disponibilizam.

O site está sempre em constante evolução a todos níveis, tentado sempre agradar a todos os utilizadores com novos serviços e funcionalidades. Visando sempre a simplicidade e rapidez nas pesquisas do utilizador.

Podem encontrá-lo aqui.

 

“TAMBOR“: Alexandra Valentim dá voz a novo trabalho

«Não, nunca actuámos na Covilhã dado que ainda não fomos convidados para tal. Mas é nossa vontade fazê-lo e quanto antes...»

 
 
 
Alexandra Valentim é uma personalidade confirmada da música portuguesa. Nascida na Covilhã, onde muita gente a recorda a cantar o fado, cedo participou em concursos televisivos onde deu a conhecer a sua voz, acabando por ser convidada para vários projectos. Desde 1999 que está ligada ao projecto TAMBOR que tem surpreendido pela sua musicalidade. Este grupo prepara-se para lançar um novo CD que nos é apresentad o pela própria Alexandra:
- É um trabalho electro pop. Um disco pop marcadamente e lectrónico, mas de influencias electro/trip hop/pop, cantado em português e que está em fase de misturas finais.
Como é a vida do "Tambor" enquanto projecto?
- "tambor" está sempre em fase de composição e preparação de apresentações ao vivo. O desdobrar das apresentações em acústico, electro/acústico e electrónico, implicam muito tempo de trabalho. Neste momento, a acrescentar a estes processos. temos o trabalho de promoção/divulgação do novo disco e a construção das imagens/video para os temas...
Não sentem a tentação de fazer uma música popular e ganhar muito dinheiro nos bailes de Verão?
- "tambor" tem uma estética musical própria e quanto a nós - única. E as nossas músicas são reflexo disso mesmo. Se o público quiser eleger a nossa música como a da sua preferência tanto melhor já que é para esse mesmo público que as fazemos....
Como está o mundo editorial? É fácil editar um novo disco ou sente-se um retraimento do mercado e das editoras?
- O mundo editorial e o mercado mudaram e estamos todos a ajustar-nos. Mas os nossos discos são editados por independentes, pelo que não temos ideia do que acontecerá com as grandes editoras... .
Cada vez há mais meios de comunicação de massas, está facilitado o trabalho de divulgação dos trabalhos de bandas portuguesas?
- Penso que sim, em termos de comunicação digital e ao nível das redes sociais, por exemplo... Mas, no que diz respeito às grandes máquinas de comunicação, o trabalho é substancialmente mais dificil e moroso.
Já actuaram na Covilhã?
- Não, nunca actuámos na Covilhã dado que ainda não fomos convidados para tal. Mas é nossa vontade fazê-lo e quanto antes... .

"À volta tudo cai" Tema de apresentação do novo trabalho »»
In: Kaminhos 

Com’Paço - V Festival de Bandas de Lisboa. 23 JUN. Lisboa. Pedido de divulgação.

Acesso livre; Todas as idades;

Parceria: Falsete, Actividades Pedagógicas, Lda.;

Apoios: Refer – Rede Ferroviária Nacional EPE, Russo Música, Lda. e Majestic Percussion;

Parcerias Institucionais: Escola de Música do Conservatório Nacional, Escola de Música do Orfeão de Leiria (EMOL) e Conservatório de Música da Jobra.

 

Cerca de quatrocentos músicos estão envolvidos e compõem as bandas filarmónicas que irão actuar no Rossio, Jardim de S. Pedro de Alcântara e Jardim da Estrela, num leque de concertos a não perder.

O Festival encerra com a actuação em conjunto, e em simultâneo, de todas as bandas participantes, no Rossio.

O Festival Com’Paço reúne anualmente, desde há quatro anos, jovens representantes de bandas filarmónicas de diversos concelhos do país num workshop que, durante uma semana, os une através da música e da sua aprendizagem. A presente edição irá alargar a participação a jovens músicos de escolas profissionais parceiras, procurando desenvolver um trabalho intenso de aprendizagem técnica e partilha de conhecimentos e experiências musicais, culminando numa apresentação pública da formação anual da Banda de Jovens Músicos Com’Paço, sob a forma de concerto de encerramento do festival. A aposta ganha na formação de jovens músicos tem incentivado a continuidade do formato adoptado para a iniciativa, que procura aproximar o público do trabalho desenvolvido pelas bandas filarmónicas, dinamizando-o e divulgando-o para mostrar a capacidade e versatilidade musicais deste tipo de agrupamentos.

O workshop para Jovens Músicos Com’Paço 2012 realiza-se no INATEL (Oeiras) de 18 a 23 de Junho e é exclusivo para as Bandas participantes e Escolas Profissionais parceiras do Festival.

 

Bandas participantes:

Associação Musical da Pocariça (Cantanhede)

Banda Bingre Canelense (Estarreja)

Banda da Associação para o Desenvolvimento Social e Cultural de Marvila (Lisboa)

Sociedade Musical Euterpe de Portalegre (Portalegre)

Círculo de Cultura Musical Bombarralense (Bombarral)

Sociedade Musical Fraternidade Operária Grandolense (Grândola)

 

Dia 23 junho. Concertos às 21h30

Rossio:

18h - Associação Musical da Pocariça

19h - Banda Bingre Canelense

Jardim S. Pedro de Alcântara:

18h - Banda da Associação parao Desenvolvimento Social e Cultural de Marvila

19h - Sociedade Musical Euterpe de Portalegre

Jardim da Estrela:

18h - Círculo de Cultura Musical Bombarralense

19h - Sociedade Musical Fraternidade Operária Grandolense

 

Concerto de Encerramento

Banda de Jovens Músicos Com’Paço 2012

Rossio

Direcção: Délio Gonçalves;

Convidados: Raquel Monteiro (voz); João Campos (voz); José Miranda (piano); Grupo de cantores da Escola de Música do Conservatório Nacional

 

Infektion Magazine #14. Download Gratuito.

Está já disponível o #14 da revista gratuita Infektion Magazine. Esta edição conta com entrevistas a Ihsahn, Burzum,  Process Of Guilt, Ephel Duath, Jess And The Ancient Ones, Disaffected, Essenz,  Sear Bliss, Adamantine, Terror Empire, Shadowsphere, Before The Dawn e Voice Of  The Soul. O download da revista dá igualmente direito ao álbum “Alchemy” dos Tales For The Unspoken.

Ler  Infektion Magazine | Download  PDF + “Alchemy”
infektionmagazine.info
www.myspace.com/infektionmagazine

In: A Trompa

Banda da Covilhã apresenta NOVO Projecto de Âmbito Nacional: Banda Sinfónica Júnior da Covilhã (BSjC)

 

A Banda Sinfónica Júnior da Covilhã (BSjC) é um projecto que nasce no seguimento pedagógico e educativo da Banda da Covilhã e da sua Escola de Música, Valores e Talentos da Banda da Covilhã. A realidade é que cada vez existem mais jovens de tenra idade a estudar música e a participar em
projectos nas suas escolas. Quanto a participar num projecto mais alargado, estruturado e ao mais alto nível, são praticamente inexistentes em Portugal e vocacionados para esta faixa etária. Assim nasce a ideia da Banda Sinfónica Júnior da Covilhã, que é aberta a todos os jovens com idades compreendidas entre os 12 e os 16 anos. Um projecto inédito, inovador e que irá funcionar em Campos de Férias entre os dias 25 a 29 de Junho de 2012. A Banda da Covilhã tem já uma vasta experiência nesta área através do projecto da Banda Sinfónica da Covilhã.
Ao mesmo tempo e face ao aumento do número de alunos na sua Escola, procura também dar resposta aos anseios dos mais novos em participar em projectos ao nível sinfónico. Para este campo de férias da BSjC contaremos com uma equipe de excelência: Direcção Artística e Coordenação – Eduardo Cavaco; Direcção Musical – Luís Clemente, contando ainda com a colaboração de professores para as secções de madeiras – Patrick Ferreira, metais – Ricardo Sousa e Ricardo Conde e percussão – Pedro Amaral, procurando assim conjugar a prática conjunta com a formação individual ao nível instrumental. Estão abertas 100 vagas para todo o país. O repertório será pedagógico, interessante e desafiador das capacidades musicais dos jovens músicos e, ao mesmo tempo, de reconhecido nível artístico e técnico, procurando contribuir para o desenvolvimento de músicos de todo o país através da organização de uma residência artística que será intensa, motivadora, acolhedora e dinâmica. Desafiamos músicos de todo o país a candidatarem-se ao estágio da BSjC com a certeza que sairemos todos mais ricos e fortalecidos quer musicalmente quer na relação humana que nos liga a todos músicos.
A Banda Sinfónica Júnior da Covilhã é um projecto da Banda da Covilhã que conta com o apoio da Fundação INATEL, Amigos da Banda da Covilhã, Universidade da Beira Interior, e Câmara Municipal da Covilhã – Cidade Cinco Estrelas.
 

Terrakota – “Re-Cooked Sessions”. Download.

Depois de Balla e League, o destaque de hoje vai para o novo disco de Terrakota.
É mais um disco de mais uma fornada lançada pela Optimus Discos.

(…) Os Terrakota passaram o inverno passado a “dubbar” sons dos álbuns antigos e a convidar outros cantores que a banda foi conhecendo por esse Mundo fora, sem medo de entrar por novas e mais ousadas texturas musicais. O  EP “Re-Cooked Sessions” é o primeiro resultado destas experiências. Trata-se da reinvenção de temas dos álbuns “World Massala” e “Oba Train” (a abrir o apetite para um álbum completo de remisturas previsto para o final de 2012) e tem a participação de Mahesh Vinayakram, da estrela de Bollywood Vasundhara Das, Kuthla Khan dos Rajasthan Roots, Hélio Bentes dos Ponto de Equilíbrio e Florian Doucet dos Family Jammin’, Conductor (Ngonguenha, Buraka Som Sistema), Ikonoklasta (Batida, Ngonguenha), K Kota (Nigga Poison) e Beat Laden. Ao contrário do habitual, são os próprios músicos que estão a remisturar, aplicando uma linguagem dub a todo o tipo de ritmos na procura de sonoridades novas, mais planantes e envolventes.” (1)

capa de Re-Cooked Sessions

Terrakota – “Re-Cooked Sessions” (Optimus Discos, 2012) | WORLD|

Download Legal de “Re-Cooked Sessions”
www.facebook.com/terrakota.page
www.myspace.com/terrakota
optimus.blitz.pt/discos