Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Filarmónica Recreativa Cortense

Filarmónica Recreativa Cortense

Cortes do Meio, Concelho da Covilhã, Distrito de Castelo Branco

IX Estágio Nacional da Banda Sinfónica da Covilhã. Lista de Colocados, 1ª Fase

Muito obrigado pela vossa inscrição, interesse e motivação em participar no projecto ao mais alto nível que é o nosso IX estágio da BSC. Agradecemos a massiva procura (134 inscrições) do nosso estágio sinfónico e, como foi do domínio público, a procura excedeu largamente as vagas disponíveis. Desta forma, e em conformidade com a direcção artística, direcção musical e coordenadores de secção, efectuámos a lista de colocações da 1ª fase, ficando automaticamente todos os que não figuram na mesma, em lista de espera (e podem ser convocados se houver alguma desistência nos próximos dias!)

TODOS os Músicos SELECCIONADOS devem efectuar o pagamento da propina até à próxima segunda-feira - dia 12 através de transferência para a
CONTA: Associação Recreativa Musical Covilhanense - Banda da COVILHÃ
NIB: 0035 02700004316693083
Banco - Caixa Geral de Depósitos
Devem enviar o comprovativo para o e-mail - bandadacovilha@gmail.com
*****************************************************************************
Mais se informa que o Estágio começa na segunda-feira - dia 2 de ABRILàs 10:00 com as provas para a escolha do chefe de naipe. Para tal, devem preparar uma pequena peça (um excerto á vossa escolha) para apresentarem.

Saudações Musicais
Até dia 2 de ABRIL
A Coordenação

MADEIRAS:
Flauta - Ana Ferraz
Flauta - Clara Leal Coelho
Flauta - Joana Isabel Oliveira
Flauta - Samuel Duque
Flauta - Tiago Azevedo

Oboé - Natacha Fernandes
Oboé - Rui Gonçalves
Oboé - Sofia Torgal
Oboé - Tiago Ribeiro de Oliveira

Fagote - Cláudia Prata
Fagote - Diogo Fernandes
Fagote - Pedro Brito

Clarinete - Adriana Moreira
Clarinete - Ana Botelho
Clarinete - André Filipe Teixeira
Clarinete - Bruna Dinis
Clarinete - Catarina Coelho
Clarinete - João Pedro Craveiro
Clarinete - Mariana Figueira
Clarinete - Mariana Reis Deus
Clarinete - Michel Varela
Clarinete - Ruben Leiria
Clarinete - Rui Mota
Clarinete - Sofia Alexandra Adão

Sax Alto - Cláudia Beijinha
Sax Alto - Elisabete Silva Adão
Sax Alto - Rui Pereira
Sax Alto - Tatiana Vieira
Sax Alto/Soprano – Daniela Ruivo

Sax Tenor - Carlos Pereira
Sax Tenor - Emídio Joel Rodrigues
Sax Tenor - Rui Jesus

Sax Barítono - Bernardo Venâncio

METAIS:
Trompete - André Santinha
Trompete - Carlos Daniel Correia
Trompete - Fábio Andrade
Trompete - João Carreiras
Trompete - Mariana Sofia Rodrigues
Trompete - Nuno Coelho
Trompete - Uriel Costa
Trompete - Tiago Rasinhas

Trompa - Catarina Sardinha
Trompa - Cristóvão da Silva
Trompa - Mariana Maduro
Trompa - Ricardo Conde

Trombone - João Arribança
Trombone - João Bartolomeu
Trombone - Jorge Santos
Trombone - Miguel Silva
Trombone - Rafael Alves
Trombone Baixo - Sérgio Simões

Eufónio - Alexandre Coelho
Eufónio - Artur Félix Damas
Eufónio - Micael Teixeira

Tuba - João Gonçalves
Tuba - Vítor Silva

PERCUSSÃO
Percussão - Bruno Félix
Percussão - Daniela Pais
Percussão - Gonçalo Ferreira
Percussão - João Luís Rocha
Percussão - Jorge Pereira
Percussão - Paulo Conceição
Percussão - Rodrigo Liaça
Percussão - Rui Pinto

Piano – Diogo Ribeiro
 

In The Name Of – “First Demo(n)s”

Ainda a dar os primeiros passos, In The Name Of é um projecto a solo de Pedro Fiúza, actor nascido no Fundão mas actualmente a respirar na cidade do Porto. E esses primeiros passos têm um nome, “First Demo(n)s”. São passos a merecerem de alguma forma serem já calcorreados; saboreados. São cinco momentos de uma forte e interna tensão ambiental, de uma vontade suavemente pop e letras de cariz pessoal. É também um elogio a um certo intimismo. O EP contou com as participações especiais de Luca Fernandes e João Monteiro no tema “LSD”, na bateria e guitarra respectivamente.
“First Demo(n)s” está disponível para download legal e gratuito.

 

Download Legal de “First Demo(n)s”

 

capa de
In The Name Of – “First Demo(n)s” (Edição de Autor, 2012)

| ALTERNATIVA |

In:  A Trompa

Concurso "Abri Bandas Mil"

 

A MOJU - Associação Movimento Juvenil em Olhão apresenta a 3ª Edição do Concurso de Bandas “Abril Bandas Mil”.
 

A Moju pretende com este concurso promover e divulgar o que de melhor se faz ao nível da produção musical e dar oportunidade aos novos talentos de apresentarem em palco os seus temas originais.

As eliminatórias decorrem nos dias 5 e 6 de abril, onde três bandas por noite, irão apresentar os seus temas originais e um cover.
Para além dos espetáculos, irão decorrer em paralelo, oficinas de formação musical.

A final está marcada para 7 de abril, com os vencedores de cada eliminatória e uma banda repescada por votação do público. Estas bandas irão partilhar o palco com uma banda de renome ainda por revelar.

A banda vencedora receberá um prémio monetário, a gravação de uma demo no ZIPMIX studio e a oportunidade de subir ao palco da Semana Académica do Algarve, entre outros.

A ficha de inscrição, juntamente com os anexos, devem ser enviados até 15 de março de 2012 para MOJU – Movimento Juvenil em Olhão, Apartado 400 EC, 8701-913 Olhão ou para o e-mail: abrilbandasmil@gmail.com.

Consulta aqui o regulamento do concurso.

 

Sexto álbum de Ana Moura irá "trazer mudança"


A fadista Ana Moura revelou que está a preparar o seu sexto álbum, anunciando irá trazer "uma mudança" face aos discos anteriores.

Sobre o novo CD, Ana Moura, sem dar muitos pormenores, referiu que irá trazer uma "mudança" face ao que fez no passado, tendo neste momento já completa a lista de temas a incluir, e acrescentou que um dos músicos que irá participar será Ângelo Freire (guitarra portuguesa), que está já a acompanhar a atual "tournée".

"O próximo CD vai ser um bocadinho diferente, porque eu acho que estava na altura de experimentar uma coisa diferente em registo. E portanto vou
experimentar. Acho que isso é importante e enriquece-nos musicalmente", afirmou à Lusa Ana Moura, sem querer dar mais pormenores.

Dominique Soutif, programador da Sociedade Palácio Montcalm, no Quebeque onde a fadista recentemente actuou, disse: "Desde há anos que acompanho a carreira de Ana Moura e os seus discos. No verão passado tive a oportunidade de ver o seu concerto [no Festival Internacional de Jazz de Montreal]. Fiquei totalmente seduzido pela sua presença em palco, a sua musicalidade e os seus músicos".
Num momento em que o fado vive já reconhecido como Património Imaterial da Humanidade, pela Unesco, em 27 de novembro passado, Ana Moura
valorizou esse ato, enfatizando: "o fado, por si, só exporta-se muito facilmente. É uma música que não precisa de galardões, porque é muito especial.
Agora, ser considerado Património Imaterial da Humanidade é muito bom para todos os portugueses".
"Em Portugal senti uma onda de orgulho coletivo, agora ainda se está para ver o impacto internacional", considerou.

 

Banda da Covilhã - 6º Curso de Direcção: Curso de Iniciação – 1ª Abordagem à Direcção Musical – 26 a 29 MAR2012 - Inscrições Abertas

A Banda da Covilhã organiza nos dias 26 a 29 de Março 2012, o 6º Curso de Direcção de Bandas Filarmónicas – Covilhã – 2011: Curso de Iniciação – 1ª Abordagem à Direcção Musical. Os objectivos principais são: i) introdução à técnica de direcção; Elementos essenciais na prática orquestral; treino de gesto; comunicação não-verbal, leitura de partitura e postura. Os responsáveis pela formação são: o Maestro Luís Clemente e Prof. Eduardo Cavaco e a Orquestra de apoio – Orquestra Juvenil “O Pautinha” da Banda Covilhã e Orquestra da Escola de Música da Banda de Pínzio. As inscrições já estão abertas a número máximo de 10 participantes + 10 Ouvintes. O curso tem a propina de 80,00€ para participantes e 50,00€ para ouvintes. Incluí: material pedagógico, refeições e diploma. Decorre na sede da Banda da Covilhã – Jardim Público.

Para inscrever-se enviar dados completos, acompanhado de curriculum vitae resumido, foto para bandadacovilha@gmail.com

Mais informações através do mesmo e-mail ou 914905596.
Uma organização da Banda da Covilhã, CEDOS – Centro de Estudos de Direcção de Orquestra de Sopros, com o apoio da Câmara Municipal da Covilhã – Cidade Cinco Estrelas.

 

Pág. 3/3