Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Filarmónica Recreativa Cortense

Filarmónica Recreativa Cortense

Cortes do Meio, Concelho da Covilhã, Distrito de Castelo Branco

Banda da Covilhã - IV Concerto de Primavera - "O Barroco". Amanhã, 25 de Março, 21h15, Igreja de S. Francisco. Covilhã.

 
Amanhã, Quinta-Feira, 25 de Março, a Banda da Covilhã organiza o IV CONCERTO de PRIMAVERA 2010, pelas 21:30 na Igreja de S. Francisco (Jardim) com entrada livre, em que o tema deste ano é o BARROCO. Conta com a participação especial da Orquestra Barroca da ESART (Castelo Branco) . Pelo quarto ano consecutivo a Banda da Covilhã organiza o Concerto de Primavera, numa celebração festiva de boas vindas a esta estação, bem como a tradição de dedicar estes Concertos a um tema. Numa retrospectiva, tivemos no primeiro concerto os 50 anos da Assinatura do Tratado de Roma, no segundo o Tributo a L. Pavarotti e no terceiro o tributo a Maria Callas. No presente ano o tema é o Barroco, sendo a Igreja de S. Francisco um ex-líbris da cidade da Covilhã em arte Barroca.
Outra novidade será um breve seminário a anteceder o Concerto (21:15) proferido pelo Dr. Carlos Madaleno sobre a arte Barroca, com particular destaque para a riqueza de obras presentes na Igreja de S. Francisco. O Dr. Carlos Madaleno apresentou recentemente a sua tese de mestrado publicada em livro intitulado “Convento de São Francisco da Covilhã, um olhar através do tempo…”. Consistiu no estudo, sob a perspectiva da história da arte, da estrutura conventual, desde o seu início até à extinção e ainda da transformação da igreja em igreja paroquial e obras sucessivas.
O Concerto terá vários momentos preenchidos pela Orquestra Barroca da ESART sob a Coordenação Artística do Prof. Jorge Alves, pela Banda da Covilhã sob a Direcção Artística de José Eduardo Cavaco e por uma formação Sinfónica.
Programa - Orquestra Barroca da ESART- Concerto “Alla Rustica” de A. Vivaldi - Concerto para 2 violas e Orquestra de Cordas de Telemann, Solistas: Márcia Ferreira e Susana Saraiva; Concerto para 2 violinos e orquestra de Cordas de A. Vivaldi - Solistas: Nuno Vasconcelos - Maria João Batista – Adágio de T. Albinoni. Banda da Covilhã - Encanto de R. Smith - First Suite in Eb For Military Band, Op. 28, de Gustav Holst e Adagio do Concerto para Clarinete de W.A. Mozart – Solista Bruno Silva. Orquestra Sinfónica (Orquestra Barroca e Sopros da Banda da Covilhã) – Aida de G. Verdi. O Concerto conta com o apoio da Câmara Municipal da Covilhã, ESART, EPABI, Juntas de Freguesia da Cidade, Paróquia da Conceição, e Underline…your ideas. Entrada Livre.
Orquestra Barroca da ESART
Com o objectivo de complementar a oferta musical da orquestra sinfónica, e de dinamizar a apresentação de obras para esta formação instrumental, foi criada em 2009 a Orquestra de Cordas da ESART, no âmbito da disciplina de Leitura de Repertório para Cordas. Tem como director artístico o professor Jorge Alves e como solistas os vários alunos do curso de música. A Orquestra de Cordas ESART constitui uma nova oportunidade de integração dos alunos na vida activa, dando também a estes a possibilidade de tocarem a solo com a mesma. Trata-se de um grupo de composição variável e que procurará garantir uma oferta musical de qualidade e com a maior regularidade possível. Já se apresentou em público em Castelo Branco, Covilhã e Landim.
O Barroco - O Barroco foi um período estilístico e filosófico da História da sociedade ocidental, ocorrido desde meados do século XVI até ao século XVIII.O termo Barroco é também usado para designar o estilo de música composta durante o período que está em sobreposição com o da Arte barroca mas, no geral comprrernde um período um pouco mais longo. Antonio Vivaldi, J.S. Bach e G.F. Handel são freqüentemente considerados figuras culminantes deste período.
In: Banda da Covilhã

 

 A FRC agradece o Convite e procurará estar representada.